BLOG

CNH Industrial adquire a Raven Industries, aprimorando capacidades e escala da agricultura de precisão

A CNH Industrial, dona de marcas como Case IH e FPT Industrial, anunciou hoje um acordo para adquirir 100% do capital social da Raven Industries, líder norte-americana em tecnologia de agricultura de precisão, a US$ 58 por ação, representando um ganho de 33,6% em relação ao preço médio ponderado por volume de quatro semanas da Raven Industries e US$ 2,1 bilhões em valor da companhia. A transação será financiada com o caixa disponível da CNH Industrial. O fechamento do negócio deverá ocorrer no quarto trimestre de 2021, sujeito à satisfação das condições legais de conclusão do negócio, incluindo a aprovação dos acionistas da Raven e o recebimento de aprovações regulatórias.

Dados do AFS Connect

A aquisição se baseia em uma longa parceria entre as duas empresas e aumentará ainda mais a posição da CNH Industrial no mercado global de equipamentos agrícolas, adicionando fortes capacidades de inovação em tecnologia de agricultura autônoma e de precisão.

Agricultura de precisão e autonomia são pilares da nossa estratégia para ajudar nossos clientes agrícolas a alcançar o próximo nível de produtividade e desbloquear o verdadeiro potencial de suas operações”, disse Scott Wine, CEO da CNH Industrial. “A Raven é pioneira na agricultura de precisão há décadas e sua profunda experiência com produtos, especialização em software voltada para o cliente e perspicácia de engenharia oferecem um impulso significativo às nossas capacidades. Essa aquisição enfatiza o compromisso em aprimorar nosso portfólio de agricultura de precisão e se alinha com a estratégia de transformação digital. A combinação das tecnologias da Raven e do forte portfólio de produtos atuais e novos da CNH Industrial fornecerá novas tecnologias conectando nossos clientes, permitindo-lhes ser mais produtivos e eficientes”, afirma Wine.

“Nossa diretoria e gerência estão entusiasmados com esta parceria e com o que ela significa para o futuro”, disse Dan Rykhus, presidente e diretor executivo da Raven Industries. “Há 65 anos, nossa empresa está comprometida em resolver grandes desafios. Parte desse compromisso inclui a entrega de inovações revolucionárias, desenvolvendo e investindo em nossas principais capacidades e tecnologia. Ao nos juntarmos com a CNH Industrial, acreditamos que iremos acelerar ainda mais esse caminho, bem como trazer muitas oportunidades e valor para nossos clientes – mais uma vez cumprindo nosso propósito de resolver grandes desafios. Nosso relacionamento com a CNH Industrial se expandiu ao longo de décadas, e temos um profundo respeito uns pelos outros e um compromisso compartilhado para transformar as práticas agrícolas em todo o mundo. Esperamos que a CNH Industrial aproveite o talento e a cultura da Raven, bem como a comunidade de Sioux Falls, como parte de sua visão e sucesso futuro”, completa Rykhus.

Case IH aposta em conectividade para ampliar a produtividade e maximizar o rendimento no campo (FOTO Divulgação)

“As capacidades, cultura de inovação, espírito empreendedor e talento de engenharia da Raven Industries são impressionantes e continuarão a prosperar como parte da família CNH Industrial. Sioux Falls é e continuará a ser um verdadeiro centro de excelência”, acrescenta Wine. “Estamos extremamente entusiasmados em colaborar para trazer aos nossos clientes soluções mais integradas de precisão e autônomas, não apenas para melhorar a produtividade e a lucratividade, mas também para promover soluções mais sustentáveis e de gestão ambiental. Juntas, nossas equipes criarão um negócio mais forte para nossos funcionários, rede de concessionárias e clientes, permitindo-nos moldar o futuro da agricultura, aumentar nossas credenciais de sustentabilidade líderes mundiais e maximizar nossas oportunidades de crescimento”, afirma Wine.

Sediada em Sioux Falls, Dakota do Sul, nos Estados Unidos, a Raven Industries está organizada em três divisões de negócios: Applied Technology (agricultura de precisão), Engineered Films (filmes especiais de alto desempenho) e Aerostar (aeroespacial) com vendas líquidas consolidadas de US$ 348,4 milhões para os doze meses findos em 31 de janeiro de 2021. A empresa é um parceiro de tecnologia global para OEMs estratégicos, varejistas e revendedores agrícolas. Espera-se que a transação gere aproximadamente US$ 400 milhões em sinergias de receita em execução até o ano de 2025, resultando em US$ 150 milhões de EBITDA incremental.

+ LEIA MAIS: Case IH aposta em conectividade para ampliar a produtividade e maximizar o rendimento no campo

Os segmentos Engineered Films e Aerostar são líderes da indústria de filmes especiais de alto desempenho e de plataforma estratosférica, respectivamente, e a CNH Industrial acredita que eles representam negócios independentes atraentes com excelente potencial de curto e longo prazo. Consequentemente, a CNH Industrial planeja realizar uma revisão estratégica de cada negócio para melhor posicioná-los para o sucesso futuro e maximizar o valor para os acionistas.

A CNH Industrial não espera que a aquisição proposta tenha qualquer impacto em suas projeções para 2021. Espera-se que a aquisição seja financiada com caixa¹ consolidado do Grupo, não afetando dívidas de terceiros nas atividades industriais². A contraprestação de caixa para a transação não está incluída na definição de fluxo de caixa livre e, consequentemente, não afetará sua orientação de fluxo de caixa para o ano fiscal de 2021.

Barclays e Goldman Sachs atuaram como consultores financeiros da CNH Industrial e Sullivan & Cromwell LLP como consultor jurídico. J.P. Morgan Securities LLC atuou como consultor financeiro da Raven e Davis Polk & Wardwell LLP como seu consultor jurídico.

Logomarca da Raven, nova marca da CNH Industrial

Via CNHi Press

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Entre em contato

Respeitamos sua privacidade e não toleramos spam e nunca venderemos, alugaremos ou forneceremos suas informações.